O acidente da Samarco e a sociedade de risco

mariana sociedade risco 270

mariana sociedade risco 270

Publicado em 12 de novembro de 2015 

Priscila Santos Artigas, Advogada no Milaré Advogados, Doutora, Mestre e especialista em Direito Ambiental pela USP e Presidente da Comissão de Estudos do Meio Ambiente do Instituto dos Advogados de São Paulo – IASP. A gravidade do acidente socioambiental ocorrido na Mineradora Samarco, em Mariana/MG, é uma amostra da “sociedade de risco” em que vivemos, vislumbrada por Ulrich Beck. Nessa sociedade de risco, em síntese bastante apertada, verifica-se encontrarmo-nos em uma época em que o risco deixou de ser previsível e mensurável, passando a ser utilizado para designar a probabilidade de ocorrência de um evento cujas consequências, em geral coletivas e de grande magnitude, não são de possível previsão ou mensuração.

Continue lendo “O acidente da Samarco e a sociedade de risco”